26 Junho 2022

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

Fogo: MpD defende descentralização dos serviços de Policia Judiciaria com criação de uma delegação na ilha

  • PDF
Partilhar esta notícia
Actualizado a 08/02/2015, 09:47 São Filipe, 07 Fev (Inforpress) – O Movimento para a Democracia (MpD-oposição), através do seu Grupo Parlamentar, que se encontra em jornadas descentralizadas, defende uma maior descentralização da Policia Judiciaria (PJ), com a criação de uma delegação para a ilha do Fogo. Após ter visitado as instalações do tribunal da Comarca de São Filipe e de contactos com os magistrados judiciais e de Ministério Publico, o líder do Grupo Parlamentar do MpD considerou que já se começa a fazer sentido ter uma delegação da polícia científica na ilha do Fogo. “Pelas informações disponibilizadas tanto pela PJ como pela Procuradoria e vários autores, a ilha do Fogo, tendo em conta a sua importância e a ligação ao mundo, já merece uma delegação da PJ”, disse Fernando Elísio Freire, afirmando que o Grupo Parlamentar do MpD vai exercer a pressão necessária para que isso aconteça, Para o líder do Grupo Parlamentar, “o caminho do futuro passa por uma maior descentralização da policia, maior aproximação da justiça à população, e dar a cada comunidade maior segurança”. Além da criação de uma delegação da PJ na ilha, em termos de justiça, um dos sectores que merece atenção da jornada descentralizada do Grupo Parlamentar do MpD, a ilha, enfrenta um conjunto de outros problemas, que apesar de pequenos, dificulta o normal funcionamento da justiça. Dotar o tribunal de uma viatura com melhores condições de circulação na ilha, colocação de um condutor para Procuradoria, resolver problemas de combustíveis, são outros problemas que precisam ser ultrapassados para que o sector da justiça possa dar respostas às demandas da população, defendem os parlamentares do MpD. JR Inforpress/Fim  
Leia ainda - Artigos mais recentes: