03 Julho 2022

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

São Tomé e Príncipe: Governo doa 60 mil euros às vítimas de vulcão em Cabo Verde

  • PDF
Partilhar esta notícia
O Governo santomense entregou no inicio dessa a Cabo Verde 60 mil euros para apoiar as vítimas do vulcão na ilha do Fogo, soube-se de fonte oficial em São Tomé. Doado pelo ministro santomense das Finanças e Administração Pública, Américo Ramos, o fundo foi entregue ao Consulado de Cabo Verde em São Tomé e Príncipe. “O Governo tomou consciência daquilo que aconteceu em Cabo Verde, face à catástrofe natural, tendo aberto uma conta bancária por decisão do Conselho de Ministros, e convidou também parceiros privados a contribuírem para esta nobre causa”, acrescentou. Explicou que o Governo santomense contribuiu com 50 mil euros ao passo que parceiros deram cerca de 15 mil euros. "Neste momento estamos a fazer a transferência de 65 mil euros. Gostaríamos de chamar a atenção dizer que a conta continua ainda aberta”, afirmou o governante, quando falava nas instalações de um banco privado onde foi aberta a conta solidária para com as vítimas do vulcão na ilha do Fogo. Apelou, por outro lado, às empresas privadas que ainda não o fizeram para terem a oportunidade de o fazer, recordou que as relações entre São Tomé e Príncipe e Cabo Verde são seculares. Por sua vez, José Maria da Silva, cônsul de Cabo Verde em São Tomé e Príncipe, afirmou que a ajuda do Governo santomense se inscreve no quadro do apoio da comunidade internacional, e que isto demonstra a solidariedade e a amizade existentes entre os dois povos e os dois países. Fonte: Angop

Comentar