28 Junho 2022

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

Primeiro-ministro diz-se consternado com naufrágio do navio Vicente no cais do Fogo

  • PDF
Partilhar esta notícia
Actualizado a 10/01/2015, 13:26 Cidade da Praia, 10 Jan (Inforpress) - O primeiro-ministro, José Maria Neves, afirmou sexta-feira estar "consternado" com o afundamento, quinta-feira à noite, do navio Vicente a 4 milhas do cais do Vale dos Cavaleiros, no Fogo, com 26 pessoas a bordo. Na sua página no ‘Facebook’, José Maria Neves reiterou que Cabo Verde está "triste e profundamente preocupado" com o acidente, cujas operações de busca permitiram hoje recuperar 11 sobreviventes e resgatar os corpos de três outras pessoas, sendo que 12 ainda continuam desaparecidas. "Vamos seguindo com toda a atenção que se exige de nós numa situação dessas e, nesta hora, gostaríamos de manifestar toda a nossa solidariedade para com as famílias dos passageiros e tripulantes do navio Vicente e devo juntar-me ao coro daqueles que rezam para que mais pessoas possam ser socorridas com vida", lê-se na nota. O primeiro-ministro destacou todo o esforço que vem sendo feito, desde as primeiras horas do acidente nas operações de busca e pediu que as autoridades públicas e os privados que estão a apoiar continuem engajados, para que possam ser resgatados todos os passageiros e tripulantes do navio. Qualificou de "forte alento" o resgate de 11 sobreviventes, mas lamentou a morte das pessoas que não foram encontradas com vida e garantiu que o Governo tudo fará para que as operações de busca sejam feitas nas melhores condições. AB Inforpress/Fim
Leia ainda - Artigos mais recentes: