30 Junho 2022

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

Retrospectiva'2014/Fogo: Primeiro festival de café e festvos marcaram o ano de 2014 na ilha

  • PDF
Actualizado a 29/12/2014, 07:20 São Filipe, 29 Dez (Inforpress) – A realização do primeiro festival do café do Fogo, na cidade de Igreja (Mosteiros) do primeiro festival das vindimas e produtos locais “Festvos” em Chã das Caldeiras, respectivamente são as actividades culturais ocorridas no Fogo em 2014. O festival do café, realizado Abril e Julho, foi assim institucionalizado como uma extensão da festa da bandeira de São Filipe e visa a valorização e promoção do café, assim como a sua internacionalização. Já o “Festvos”, que aconteceu em Julho, cuja segunda edição deveria acontecer em Chã das Caldeiras e com extensão outras cidades de Cabo Verde e dos principais países de acolhimento, a sua continuidade ficou comprometida com a destruição dos povoados de Chã das Caldeiras pelas lavas da erupção vulcânica. A transformação da Casa das Bandeiras, fundada em 2002, para preservar e promover as festas tradicionais das bandeiras numa fundação com o mesmo nome é outro destaque cultural ocorrido em 2014. A restauração e reabilitação do cemitério de baixo conhecido também por “cemitério de branco”, o empossamento dos membros da Curadoria do Centro Histórico da Cidade de São Filipe, ­Património Histórico e Cultural Nacional, presidida pelo professor e activista cultural, Fausto do Rosário, a realização da segunda edição de “São Filipe, semana d´arte” e a actuação da dupla Baú e Voginha, pela primeira vez na ilha, são outros acontecimentos culturais de destaque em 2014. Além dessas actividades, destaque vai para realização das festas comemorativas dos dias dos três municípios, do festival internacional Sete Sóis Sete Luas, são outros eventos culturais que marcaram o ano de 2014. JR Inforpress/Fim
Leia ainda - Artigos mais recentes: