17 Julho 2019

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

Fogo/Carnaval: África e jogos olímpicos são temáticas dos grupos de São Filipe para a tarde de hoje

  • PDF
Partilhar esta notícia

São Filipe, 05 Mar (Inforpress) – Os grupos Fogo em Chama, do bairro III Congresso, e Mar Azul, de Beltchés, os únicos que participam este ano no desfile oficial do Carnaval, levam para avenida como temáticas “jogos olímpicos” e “África berço da humanidade”, respectivamente.

Na ausência dos tradicionais grupos como Faxa da Terra, do bairro III Congresso, e Fantasia, do bairro de Cobom, cabem a Fogo em Chama e Mar Azul a responsabilidade de levar folia, criatividade, imaginação e animação para a avenida Amílcar Cabral (avenida de hospital como é conhecida).

Na noite de segunda-feira os dois grupos estavam a ultimar os carros alegóricos e afinar os outros passos e coreografia para o desfile, quer um como outro com o objectivo de proporcionar um bom Carnaval e de arrebatar o primeiro lugar do concurso deste ano.

Mar Azul, do bairro de Beltchés, é o primeiro a desfilar e segundo um dos seus responsáveis, Tiny, este ano o grupo pretende homenagear o continente africano, escolhendo o tema “África berço da humanidade” que será retratada em quatro carros alegóricos.

Num deles o grupo vai mostrar “África berço da humanidade e vestígio dos primeiros homens”, noutro será mostrado não a imensidão da África e sua florestal, mas também alguns reinos africanos, alem de outros aspectos ligados ao continente e a origem dos homens e indirectamente a origem de todas as raças.

O grupo Mar Azul conta com uma média de 280 a 300 integrantes, de entre figurantes e pessoas que fazem o Carnaval acontecer.

A noite de segunda-feira foi aproveitada para montagem dos carros alegóricos e enfeites dos mesmos, assim como os últimos retoques que continuam esta terça-feira porque, segundo Tiny, “praticamente até a hora da saída faz-se trabalho e a correria é até a hora de desfile”, sublinhando que o grupo está preparado para fazer um bom desfile e consequentemente conquistar o prémio de primeiro lugar.

O responsável do grupo Fogo em Chama, Mário Djack, não quis abrir o jogo sobre aquilo que o grupo leva para avenida, limitando-se a dizer que o tema está relacionado com “jogos olímpicos”, e que se não houver desistência o grupo conta com 316 figurantes.

“Está tudo encaminhado, temos 316 figurantes e quatro carros alegóricos”, disse Mário Djack, indicando que o andor está “bem encaminhado”, a montagem começou na noite de segunda-feira e esta terça-feira será para os últimos retoques antes de rumar para avenida.

O desfile inicia-se a partir das 16:00 e, segundo o vereador da cultura da câmara de São Filipe, o primeiro desfile o grupo de animação, Vida Activa/Djony e Escola secundaria Dr. Teixeira de Sousa, seguido de Mar Azul, primeiro grupo oficial, depois a escola de ensino básico Pedro Cardoso, Fogo em Chama, o segundo grupo oficial a desfilar, depois os grupos de animação Kkobra e Mandingas.

Aos grupos oficiais tem direito a prémios no valor de 150 e 120 mil escudos para primeiro e segundo classificados, assim como prémios individuais, como melhor carro alegórico, rei, rainha, porta-bandeira, rainha de bateria e música, e aos grupos de animação um premio de 10 mil escudos cada.

O júri é integrado por cinco elementos, sendo um arquitecto, uma psicóloga, um professor de música, uma vereadora de uma das câmaras da ilha e director de uma das escolas secundárias da ilha.

Além de São Filipe há desfie oficial nas cidades de Cova Figueira (Santa Catarina) e de Igreja (Mosteiros), sendo que em Santa Catarina conta com dois grupos (Nova Geração de Achada Furna e grupo do complexo educativo Eduardo Gomes Miranda) e Mosteiros três grupos (Surpresa de Queimada Guincho, Strela Negra de Queimada Trás e Unidos de Fonsaco), além de grupos de animação.

Nos Mosteiros, o desfile inicia-se a partir das 15:00, sendo a ordem do desfile, segundo sorteio, Surpresa, de Queimada Guincho, seguido de Strela Nega, de Queimada Trás e, por último, Unidos de Fonsaco.

Em relação a Santa Catarina não foi possível saber a ordem do desfile.

JR/AA

Inforpress/Fim

Leia ainda - Artigos mais recentes: