18 Julho 2019

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

Fogo: Requalificação urbana de Cova Figueira e da estrada que dá acesso a zona do litoral são prioridades – autarca

  • PDF
Partilhar esta notícia

São Filipe, 17 Jan (Inforpress) –  A requalificação urbana da cidade de Cova Figueira e da estrada que a liga à praia de Casinha, no litoral, são prioridades para o ano de 2019, anunciou o presidente da Câmara Municipal de Santa Catarina, Alberto Nunes.

Para ajudar a câmara na elaboração do dossiê da requalificação urbana, esta semana o município de Santa Catarina recebeu a visita de uma equipa técnica do Ministério das Infra-estruturas, que, segundo Alberto Nunes, tem prestado “alguma assessoria técnica”, devido à insuficiência de técnicos para elaborar o projecto, de acordo com a exigência.

Além da equipa técnica disponibilizada pelo Ministério das Infra-estruturas, a autarquia de Santa Catarina do Fogo conta com apoio da equipa técnica da sua congénere da Praia (Santiago) na elaboração de todo o material a apresentar para o lançamento do concurso, cumprindo as exigências.

A requalificação urbana da cidade de Cova Figueira, está orçado em 70 mil contos e é suportado pelo Governo, disse Alberto Nunes, e prevê duas ruas alternativas, uma na parte alta passando por Lapinha e outra na zona baixa, na Queimada Baixo.

Além disso abrange desde Maria da Cruz/Domingos Lobo até Enseada Helena, incluindo o bairro de Lapinha, e prevê ainda construção de praças, ruas, substituição de bancos e a nova rede de iluminação pública.

Na lista das prioridades para 2019 consta a reabilitação da estrada que liga a cidade de Cova Figueira até a praia de Casinha, no litoral, e segundo Alberto Nunes, o projecto existe e será financiado pelo Fundo do Turismo, asseverando que só falta a conclusão do caderno de encargo para o lançamento do concurso  para reabilitação da estrada, eliminando as curvas, melhoria da via tornando-a mais segura.

No quadro do Programa Requalificar, Reabilitar e Acessibilidades (PRRA), Alberto Nunes indica que várias acessibilidades em várias localidades do município serão construídas, estando as zonas identificadas, com orçamentados e com financiamento garantido consta da lista de prioridades, assim como a reabilitação das casas sociais, sendo que 30 deverão arrancar nos próximos dias, já que as famílias estão identificadas através do cadastro social único bem como as zonas contempladas.

A construção de placas desportivas em algumas localidades do município, a implementação do programa para juventude visando trabalhar com eles no sentido de aproveitar as oportunidades de estágios, de financiamento que estão disponíveis para criação de projectos geradoras de auto emprego, eliminando a dependência da edilidade.

Para os próximos dias serão entregues habitações sociais que foram reabilitadas, assim como a conclusão das obras de construção de 14 quartos no quadro do projecto “turismo familiar”, sendo que uma boa parte deles estão concluídos e os demais na fase final de conclusão.

JR/AA

Inforpress/Fim

Leia ainda - Artigos mais recentes: