21 Maio 2019

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

Canárias vai disponibilizar 105 mil euros para segunda fase do projecto da Adega do Fogo

  • PDF
Partilhar esta notícia

Cidade da Praia, 03 Jan (Inforpress) – Cabo Verde e Canárias vão assinar brevemente um convénio de cooperação orçado em 105 mil euros, para o redesenho definitivo do projecto da Adega da Fogo, avançou hoje na Praia o ministro da Agricultura e Ambiente, Gilberto Silva.

O governante, que falava à imprensa esta tarde, na Cidade da Praia, no final do encontro de trabalho que manteve com a equipa do Cabildo de Tenerife, Canárias, acrescentou que esse acordo contempla ainda acções de formações no domínio da extensão rural.

“Vamos assinar outro convénio, avaliado em 105 mil euros, para o redesenho da Adega definitiva na ilha do Fogo e acções de formações”, sublinhou o ministro, que assegurou que essa visita tem por objectivo fazer o ponto de situação das acções levadas a cabo no âmbito do primeiro convénio de cooperação e reforçar as actividades nos próximos meses.

Tendo em conta que o projecto de Adega é uma das questões essenciais desse acordo, Gilberto Silva afirmou que vão trabalhar em conjunto para transformar esse projecto num conceito de escola de viticultura, integrando a abordagem do desenvolvimento do turismo, da cultura e associada à culinária.

O ministro adiantou que esse acordo vai permitir ainda o reforço da cooperação no domínio da extensão rural, onde Canárias vai disponibilizar vagas para quadros cabo-verdianos, promover curso para extensionistas rurais, acções essas que, no seu entender, vão ajudar a reforçar a extensão rural em Cabo Verde.

“Falamos também da necessidade de desenvolvermos uma cooperação profícua e muito concreta na questão da broca da banana, que é uma praga que está a afectar a cultura da bananeira na ilha de Santiago, onde brevemente um técnico do Ministério da Agricultura e Ambiente irá deslocar-se a Canárias, de modo que possamos desenvolver um programa muito concreto de combate a esta praga que afecta sobretudo o concelho de Santa Cruz”, salientou.

A delegação de Canárias é chefiada pelo conselheiro da Agricultura do Cabildo de Tenerife e visita o arquipélago de 01 a 04 deste mês, no quadro da cooperação existente entre Cabo Verde e Canárias.

AV/JMV

Inforpress/Fim

Leia ainda - Artigos mais recentes: