23 Maio 2019

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

Praia a ferro e fogo:PJ detém nove indivíduos suspeitos de vários crimes de uso de arma, ameaças e tentativa de homicídio

  • PDF
Partilhar esta notícia

A cidade da Praia continua a ferro e fogo, com a Policia Judiciária a deter nove homens suspeitos da prática de vários crimes, com destaque para o uso ilegal de arma de fogo, roubo, ofensa simples à integridade, ameaça e homicídio na sua forma tentada.

Referindo-se ao primeiro caso, a Polícia Judiciária, através da Secção de Investigação de Crimes Patrimoniais (SICP) – Brigada de Combate ao Banditismo – informa que deteve, na última sexta-feira, 21, em flagrante delito, um indivíduo do sexo masculino, de 19 anos, suspeito da prática de dois crimes de armas, tendo sido encontrado no interior da sua residência, duas armas de fogo de fabrico artesanal, denominado de “boca bedjo”.

Mas a operação policial não ficou por aí. A PJ assevera que foram também detidos, pela mesma brigada, na última quinta-feira, 20, fora de flagrante delito, oito indivíduos do sexo masculino, com idades compreendidas entre os 17 e os 23 anos, residentes nos bairros de Eugénio Lima, Fazenda, Moinhos e Vila Nova. Todos são suspeitos da prática de nove crimes de roubo, seis crimes de arma, três crimes de ofensa simples à integridade, dois crimes de ameaça e um crime de homicídio na sua forma tentada.

Conforme a Judiciária, na sequência dos crimes foram subtraídos das vítimas, um cão de raça labrador, um telemóvel, um tablet e 2.400 escudos em dinheiro. Ainda na sequência desses crimes, um cidadão foi vítima de vários golpes de pedras e garrafas.

«Todos os detidos foram presentes na tarde desta sexta-feira, 21, às autoridades judiciárias competentes, para efeito do primeiro interrogatório de arguido detido e aplicação de medidas de coação», refere a nota da PJ remetida ao Asemanaonline.

Leia ainda - Artigos mais recentes: