14 Novembro 2018

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

Académica derrota Vulcânico na lotaria das grandes penalidades e leva a supertaça do Fogo

  • PDF
Partilhar esta notícia

São Filipe, 03 Nov (Inforpress) – A equipa da Académica conquistou sábado, no estádio 5 de Julho, o primeiro troféu da época 2018/19, ao vencer o Vulcânico nas lotarias de grandes penalidades do jogo da supertaça da ilha.

O jogo não foi muito bem disputado com muitas faltas e paragens e durante o tempo regulamentar e no prolongamento as duas equipas estavam empatadas a um golo e na lotaria de grandes penalidades a Académica venceu por 3-1 e conquistou assim a edição 2018 da supertaça.

A Académica marcou primeiro aos 26 minutos do primeiro tempo por intermédio de Sy, que aproveitou um mau alívio do defesa Mané para cabecear fraco mas contou com ajuda do guarda-redes Oblack que acabou por introduzir a bola na baliza.

A vantagem da Académica durou poucos minutos, pois na passagem do minuto 39, Kadú aproveitou o ressalto de bola na área da Académica para restabelecer a igualdade, não dando assim hipótese ao guarda-redes Djidjé.

O resultado manteve-se durante o período regulamentar e no prolongamento com o Vulcânico a não tirar proveito da expulsão do jogador da Académica, Badjú, no decorrer do segundo tempo.

Nas lotarias das grandes penalidades o guarda-redes Djidje defendeu os remates de Nick, Zé Manuel e Flávio enquanto o guarda-redes do Vulcânico apenas travou o remate de Nuno, acabando a formação da Académica por sair vencedora por 3-1.

O jogo ficou marcado além da expulsão com vermelho directo do jogador Badjú da Académica, que igualmente viu cartão amarelo, o árbitro da partida exibiu ainda mais cinco cartões amarelos para jogadores da Académica (Lalo, Cláudio, Kevin, Sy e Nuno) e outros tantos, cinco, cartões amarelos para jogadores do Vulcânico (Nick, Zé Manuel, Kadu, Batatinha e Kevi).

Igualmente o treinador da Académica, Joel Castro, foi expulso no decorrer da segunda parte por palavras pouco abonatórias proferidas no banco de suplentes, provavelmente dirigidas ao quarteto de arbitragem.

No final da partida a Associação Regional de Futebol atribuiu medalhas aos jogadores das duas equipas, vencedora e vencida, à equipa de arbitragem e a taça à formação da Académica, vencedora desta edição.

As duas equipas voltam-se a encontrar no próximo sábado, 10 de Novembro, em jogo a contar para a primeira jornada do campeonato regional de futebol época 2018/19.

JR/ZS

Inforpress/Fim

Leia ainda - Artigos mais recentes: