26 Março 2019

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

Ilha do Fogo: Jovem de Chã das Caldeiras “desaparecido” contactou familiares e promete apresentar-se às autoridades policiais

  • PDF
Partilhar esta notícia

São Filipe, 29 Jun (Inforpress) – O artesão Isaque Lopes Barros, de Chã das Caldeiras, que há cerca de 20 dias não era visto na localidade, estava escondido no meio das lavas com medo das autoridades policiais, informou hoje um familiar.

José Lopes Barros, que tinha participado a ocorrência à Polícia Nacional, estabeleceu contacto hoje com a Inforpress, indicando que falou com o irmão que lhe explicou o motivo por que estava escondido no meio de lavas, nas proximidades da área da sua residência.

Segundo o irmão, José Lopes Barros “Carbone”, Isaque lhe informou que escondeu-se depois de cinco elementos da Polícia ter “invadido” o seu “funco” e retirado alguma pertença, observando que o mesmo teria pensado que cometeu algo de grave para ser procurado por tantos agentes de autoridade.

“Como ele está sem roupas e calçados, que foram levados pelos agentes, os familiares estão a mobilizar peças de vestuários e sapatos para o levar de modo a que possa apresentar-se, ainda hoje, na esquadra da Policia Nacional de Santa Catarina do Fogo”, disse o irmão do Isaque.

O jovem artesão deixou de ser visto pelos familiares, vizinhos e população de Chã das Caldeiras, desde 10 de Junho.

JR/CP

Inforpress/Fim

Leia ainda - Artigos mais recentes: