22 Outubro 2018

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

'Fogo que arde sem se ver' do Camões lírico é ilusão mediática em vários estados na diplomacia desconcertante de Trump

  • PDF
Partilhar esta notícia

O primeiro-ministro de Singapura, Lee Hsien Loong, recebeu na residência oficial o presidente norte-coreano, Kim Jong-Un, na manhã de domingo, 10 (noite de sábado).
Em dia dedicado a Camões, maior poeta da nossa língua portuguesa, licença para evocar o célebre verso camoniano na notícia das duas cimeiras, a (mal) concluída no Canadá e a próxima, em Singapura.

Trump e Kim chegaram no domingo à cidade-Estado. O primeiro a chegar e a ser recebido foi Kim. Trump chegou às 20 horas locais (5 da manhã em Cabo Verde).

Na segunda-feira, será o encontro Trump-Lee, cerca de doze horas antes do início da cimeira na terça-feira (menos vinte horas em Washington).

A expectativa rodeia este encontro histórico, esperado há mais de seis décadas. Contudo, se Trump prometeu sábado que “vai ser uma única e decisiva reunião” isso tem que ser entendido na perspetiva a que o desconcertante POTUS habituou o mundo.

Ou seja, a vitória que ele assegura antecipadamente pode não acontecer. Como sempre, diz que faz e se não fizer só alguns levarão a mal. No caso da Coreia do Norte, afinal, onze presidentes antes dele prometeram e não cumpriram.

Será desconcertante esta postura para os seus aliados como Emmanuel Macron, que ainda afetado pelo que sucedeu na cimeira do Canadá, avisou este domingo, já no Eliseu, que as relações internacionais não podem decorrer em clima de combate, em que os assistentes esperam ver a fúria a impulsionar os adversários.

A fúria a combinar com o fogo tem todavia estado muito presente na retória trumpiana. A fúria associada ao fogo, e também como um dos seus vários estados. Puro, líquido, volátil, em fuga, em fúria. Também virtual, e que ameaça arder sem se ver.

A perfeita ilusão mediática em vários estados na diplomacia desconcertante de Trump. A continuar. Fonte da foto: Reuters

Leia ainda - Artigos mais recentes: