21 Maio 2019

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

Fogo: Médicos internacionais efectuam consultas na localidade de Cabeça Fundão

  • PDF
Partilhar esta notícia

Profissionais voluntários de saúde do St. Paul Medical Services, são esperados este sábado,19, na localidade de Cabeça Fundão, Santa Catarina do Fogo, para efectuar consultas de especialidade nas áreas de urologia, ortopedia, oftalmologia, dentista, anestesista e ginecologia. Esta iniciativa surge, através de uma parceria entre a Associação Comunitária de Cabeça Fundão e o Hospital Regional Fogo e Brava.

Dezenas de pessoas das localidades de Achada Furna, Cabeça Fundão e Chã das Caldeiras vão puder participar nas consultas médicas. Devem ainda participar alunos das escolas de Achada Furna e de Cabeça Fundão.

Segundo apurou este jornal, a deslocação desta equipa de médicos de St. Paul Medical Services, composta por sete especialidades, presta cuidados médicos a pacientes privados, através de uma rede global.

E há uma semana é que esta equipa presta serviços nas ilhas do Fogo e Brava. Foram consultadas centenas de pessoas no hospital em São Filipe. A nesma equipa médica efectuou consultas na escola secundária Dr. Teixeira de Sousa, onde 75 alunos foram atendidos pelo clínico geral e 32 estudantes passaram pelo dentista, tendo igualmente ensinado as crianças a efectuarem actividades ligadas ao Natal.

O St. Paul Medical Services é uma organização internacional de caridade fundada pela Igreja Copta Ortodoxa com finalidade de prestar cuidados médicos e medicamentosos para comunidade carente. Já realizou cinco missões a Cabo Verde, e esta é a quarta deslocação ao Fogo.

A vista desses especialistas à região Fogo e Brava é patrocinada pelo Ministério da Saúde e Segurança Social. de Cabo Verde.

No final deste mês, o hospital regional receberá também a visita de um especialista italiano da área de oftalmologia para, durante duas semanas, realizar cirurgias de catarata.

Neste momento, o hospital está a seleccionar 200 pacientes que precisam de intervenção cirúrgica, tendo o serviço de oftalmologia solicitado as pessoas diagnosticadas esta patologia pelo hospital para exames prévios todos os dias úteis. a partir das 14 horas.

Leia ainda - Artigos mais recentes: