19 Maio 2019

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

Ilha do Fogo: Luís Pires anuncia disponibilidade para se candidatar à edilidade de São Filipe em 2020

  • PDF
Partilhar esta notícia

 

São Filipe, 05 Mar (Inforpress) – O vereador da Câmara Municipal de São Filipe, eleito pelo Grupo por Amor Incondicional a São Filipe (GPAIS) Luís Pires, anunciou domingo a sua candidatura à presidência da edilidade de São Filipe nas eleições autárquicas de 2020.

O anuncio precoce da sua candidatura surgiu, segundo explicou, após ter feito uma radiografia completa do município e as “desastrosas perspectivas”, factos que, segundo o mesmo, o leva a ter este “posicionamento coerente e consequente” assim tão cedo, para trabalhar, não em 40 dias, como aconteceu nas últimas eleições, mas durante todo o tempo, para na devida altura estar em condições de voltar a assumir a liderança do processo de desenvolvimento de São Filipe.

“Como sempre estivemos e continuamos ao serviço de São Filipe, declaramos a nossa disponibilidade para melhor atendermos à população abandonada, para acelerarmos novamente o ritmo do desenvolvimento, imprimindo uma nova dinâmica na mobilização de mais recursos e novas parcerias, justificando a urgência em sacudir São Filipe, a urgência em mudar esta Câmara que, em dois anos do mandato, ainda não aprendeu a gatinhar”, disse Luís Pires indicando que vai trabalhar para, em 2020, tomar novamente a Câmara de São Filipe, que geriu entre 2012 e 2016.

O anúncio da candidatura aconteceu na noite de domingo, numa conferência de imprensa , após a realização de uma assembleia-geral dos representantes do GPAIS para análise da situação social, económica e política do município de São Filipe.

Questionado se será uma candidatura independente, Luís Pires afirma que embora tenha espírito independente não se sente amarrado aos partidos políticos, indicando que São Filipe neste momento demarca-se claramente da postura dos partidos políticos.

Não obstante isso, Pires entende que com as necessárias transformações estará sempre disponível em absorver as vontades de todos os sanfilipenses unidos à volta de um novo projecto autárquico que envolve a participação de todas as vontades, observando que “há reposicionamentos vários e arrependimentos” e que o seu grupo está a trabalhar neste contexto, aguardando que uma força se apresente para um processo claro e com novo rumo autárquico.

Luís Pires que é vereador sem pasta na Câmara Municipal de São Filipe, afirma que no executivo camarário tem dado sempre as suas contribuições e que a presença em todos os actos públicos para os quais tem sido convidado demonstra a sua disponibilidade de colaborar.

“Estou ao serviço de São Filipe e disponível para servi-lo e sempre que da situação ou da oposição surge propostas boas para o desenvolvimento do município Luís Pires assina por baixo, mas também ergue a sua voz quando determinadas coisas não funcionam correctamente para o seu desenvolvimento”, disse o autarca.

Adiantou que a ilha do Fogo nestes quase dois anos está sendo mais discriminada do que nunca e as suas potencialidades afloradas com pujança nos últimos anos quatros tendem a ficar adormecidas.

“Fogo,  pelas suas potencialidades merecia muito mais desta Câmara de São Filipe , que é câmara da capital da ilha e da região, tinha que ser mais pró-activa e liderando de forma clara o processo de desenvolvimento que foi claramente interrompida pelas eleições de 2016”,afirmou Luís Pires, para quem a actual equipa camarária está parada no tempo e só da sinais de vida quando toca nos projectos herdados.

JR/JMV

Inforpress/Fim

Leia ainda - Artigos mais recentes: