24 Fevereiro 2018

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

Mosteiros: Plano de emergência vai ser alterado após vários encontros do edil com instituições na Cidade da Praia

  • PDF
Partilhar esta notícia

 

São Filipe, 02 Fev (Inforpress) – O plano de emergência para mitigar os efeitos do mau ano agrícola nos Mosteiros, sempre questionado pela edilidade, vai ser alterado, depois do edil, Carlos Fernandinho Teixeira, ter efectuado uma série de reuniões, na Cidade da Praia, com várias entidades.

Através da sua página no facebook, a edilidade dos Mosteiros indica que, após os encontros, o ministro da Agricultura e Ambiente aceitou as propostas apresentadas pela Câmara e pelos líderes das associações de desenvolvimento comunitário dos Mosteiros e na sequência o plano de emergência vai ser alterado.

Depois do regresso do edil da Cidade da Praia, a autarquia dos Mosteiros reuniu-se com uma equipa técnica da delegação do Ministério da Agricultura e Ambiente para redefinir o plano de emergência para mitigar o efeito do mau ano agrícola.

Para a Câmara é descabida a inscrição de actividades em localidades que pertencem a outros municípios num plano, assim como a sua implementação nas zonas altas, o que não permite resolver o problema do emprego e acudir a população dos Mosteiros, situações que foram alteradas, pois, do encontro com a equipa da delegação do MAA ficaram acordadas intervenções nas localidades, de modo a contemplar o maior número de famílias possível e, deste modo, se conseguir o impacto desejado.

Assim, além das actividades a realizar-se-ão na área do perímetro florestal de Monte Velha, que inicialmente concentrava maior parte das acções, vão-se realizar obras em localidades que não estavam contempladas, como zona norte do município, nomeadamente Atalaia e Ribeira do Ilhéu, e na zona sul , contemplando os povoados de Corvo, Achada Grande e Relva.

No entanto, dos cerca de 15 mil contos que o Governo vai disponibilizar para o plano de emergência, a edilidade já recebeu a primeira tranche, no montante de quatro mil contos, valor destinado a financiar intervenções no município dos Mosteiros.

Agora, com a redefinição das actividades, as acções vão iniciar-se nos próximos dias para garantir emprego e minimizar a situação.

JR/JMV

Inforpress/Fim

Leia ainda - Artigos mais recentes: