20 Janeiro 2019

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

PN detém sete mulheres por furtos e roubos em São Filipe

  • PDF
Partilhar esta notícia

A Polícia Nacional (PN) de São Filipe detém esta semana, fora de flagrante delito, sete mulheres da ilha de Santiago, por envolvimento em vários crimes de roubo e furto contra estabelecimentos comerciais e residências, na cidade dos "sobrados" e arredores. Foram surpreendidas no Porto de Vale dos Cavaleiros, quando preparavam a viagem com destino à Cidade da Praia.

Na posse destas, a Esquadra da PN procedeu à apreensão de vários objectos e produtos, que teriam sido roubados. Conforme apurou o asemanaonline, estas mulheres são da ilha de Santiago e têm viajado com frequência para a ilha do vulcão, onde roubam produtos para posteriormente venderem na Cidade da Praia e noutras paragens do país.

A corporação policial está a proceder às investigações no sentido de recuperar a tempo outros objectos roubados. Nossas fontes confidenciam ainda que se poderá estar perante uma rede do qual fazem parte outras pessoas ligadas ao esquema, entre os quais um taxista.

As supostas gatunas foram filmadas pelas câmaras de vigilância durante os assaltos em algumas lojas chinesas na Cidade de São Filipe. Segundo uma fonte policial, as detidas actuavam “por vezes em grupos de quatro e de três, comungando esforços, de forma concertada”.

Num dos vídeos a que tivemos acesso, mostra três mulheres numa das lojas chinesas em São Filipe, roubando alguns produtos, metiam nas suas bolsas de mão e entre as pernas.

Alguns elementos do bando têm antecedentes criminais, muitos deles já foram condenados pelos crimes de que estão sendo acusados agora, soube o asemanaonline. Os processos, já foram entregues ao Tribunal Judicial da Comarca de São Filipe.

Leia ainda - Artigos mais recentes: