01 Julho 2022

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

Mosteiros já dispõe de um Centro de Apoio às Vítimas de Violência Baseada no Género

  • PDF
Partilhar esta notícia
Mosteiros, 31 Jul (Inforpress) - A abertura do Centro de Apoio às vítimas de Violência Baseada no Género nos Mosteiros vai proporcionar a possibilidade de um serviço articulado, com atendimento psicológico, atendimento jurídico e social às vítimas. De acordo com a coordenadora nacional da rede de atendimento e responsável pela área de VBG do ICIEG, Elsa Fortes, a abertura deste Centro representa a concretização de um serviço articulado de apoio às vítimas de VBG. ”Qualquer vítima de violência tem uma necessidade enorme, por isso, não e um combate de um único serviço, mas sim exigirá uma articulação contínua de diversos serviços”, explicou, realçando a importância da articulação e do engajamento dos diferentes serviços desconcentrados do Estado e das forças vivas, para o bom funcionamento do Centro. Nesta fase inicial o Centro de Apoio as Vítimas de VBG irá funcionar em regime de marcações, sendo que os casos de urgência serão atendidos de imediato, segundo disse a coordenadora nacional da rede de atendimento do ICIEG. ”Há uma rede de comunicação gratuita entre os técnicos para que a articulação funcione e as vítimas não fiquem desamparadas”, salientouElsa Fortes. A responsável pela área de VBG do ICIEG espera que a criação do Centro dos Mosteiros contribua para a redução do índice de incidência da violência baseada no género na ilha do Fogo. Para isso, o ICIEG tem em curso na ilha do Fogo projectos de escolas promotoras de igualdade, cujo objectivo é formar homens e mulheres para a cidadania da não violência e para uma cultura da paz. LR/CP Inforpress/fim
Leia ainda - Artigos mais recentes: