01 Julho 2022

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

Erupção vulcânica: Protecção Civil recebe ambulâncias da Força Aérea Portuguesa

  • PDF
Partilhar esta notícia
O Serviço Nacional da Protecção Civil recebeu esta quarta-feira, 10, no aeródromo e São Filipe, as duas ambulâncias vindas para reforçar o apoio às vítimas da erupção vulcânica da ilha do Fogo. As duas viaturas, transportadas pelo avião Hércules C130 da Força Aérea Portuguesa, foram recebidas pelo Presidente do Serviço da Protecção Civil, Arlindo Lima, na presença da Ministra da Administração Interna, Marisa Morais. Trata-se de uma oferta da Cooperação Portuguesa, através da Autoridade da Protecção Civil de Portugal, na sequência do pedido internacional feito pelo Governo de Cabo Verde, para a assistência das vítimas da erupção vulcânica da ilha do Fogo. As duas ambulâncias estão devidamente equipadas com suportes básicos para a assistência e prestação dos primeiros socorros e para o transporte de doentes. Arlindo Lima considerou “um gesto de solidariedade” da Cooperação Portuguesa, a vinda destas duas ambulâncias à ilha porque, não só irão servir aos deslocados de Chã das Caldeiras, mas também colmatar “uma necessidade que existia no Fogo, em termos de meios de emergência médica”. O avião Hércules C130 deverá seguir ainda esta quarta-feira para Dakar (Senegal) para recolher mais equipamentos e donativos, nomeadamente tendas e kits de cozinha disponibilizados pela cooperação internacional, para reforçar as ajudas às vítimas do vulcão. Quanto à evolução da erupção nesta quarta-feira, não há grande alteração do cenário que se registava ontem, sendo que, neste momento, a frente de lava localizada a 600 metros da zona de Bangaeira, que poderá ir em direcção a Fernão Gomes, não teve avanço significativo. Contudo a emissão de gases, prejudicial à saúde, exige cautelas pelo que, segundo avançou Arlindo Lima, a entrada a Chã das Caldeiras continua interditada.
Leia ainda - Artigos mais recentes: