21 Julho 2019

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

Fogo: Projecto de abastecimento de água às zonas sul e norte dos Mosteiros aprovado pelo MCA

  • PDF
Partilhar esta notícia
Actualizado a 12/05/2015, 00:07 São Filipe, 12 Mai (Inforpress) - O projecto de interligação da rede de abastecimento de água de Campanas de Baixo (São Filipe) a Mosteiros, submetido à segunda fase do Millennium Challange Account- Cabo Verde (MCA-CV) para financiamento, através do fundo do II Compacto, foi aprovado. O projecto consiste na extensão da rede de Campanas de Baixo para o município dos Mosteiros, cobrindo as zonas do norte (Atalaia, Ribeira Ilhéu e Rocha Fora) e de Mosteiros Trás para as zonas sul dos Mosteiros (Relva, Achada Grande e Corvo), ficando assim o município coberto quase a 100 por cento. O edil dos Mosteiros, Carlos Fernandinho Teixeira, que também preside ao Conselho de Administração da empresa intermunicipal de águas, Águabrava, considera que com este financiamento do MCA vai ser possível implementar este projecto e elevar para perto de 100% a taxa de cobertura de rede de água nos Mosteiros. Este projecto fazia parte de um conjunto de oito programas que a empresa intermunicipal de produção e distribuição de águas, Águabrava submeteu ao Millennium Challange Account- Cabo Verde (MCA-CV), no valor global de 700 mil contos para o financiamento. Extensão da rede de água noroeste de São Filipe (de Inhuco a Campanas de Cima), aquisição de micro-contadores com sistema de leitura através de rádio frequência, tratamento da água consumida no Fogo através de redução do índice de calcário nas nascentes e reservatórios, equipamento do furo nas proximidades da cidade, adução e distribuição de água na zona de Montinho (São Filipe), eficiência e eficácia energética com introdução de sistema de variadores de velocidade, substituição da conduta São Pedro/Brandão e reabilitação e optimização da rede da localidade de Patim foram os outros projectos submetidos a financiamento. Na primeira fase, o MCA-CV financiou dois dos cinco projectos apresentados pela Águabrava e que estão em curso neste momento, nomeadamente a substituição e reabilitação da conduta adutora Patim/Cova Figueira (Fogo) e o sistema de tratamento das águas da nascente do Encontro (Brava). JR Inforpress/Fim
Leia ainda - Artigos mais recentes: