26 Junho 2022

Video Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8

São Filipe: Proposta de elevação de Ponta Verde e Patim à categoria de vila discutida hoje

  • PDF
Partilhar esta notícia
Actualizado a 08/04/2015, 15:58 São Filipe, 08 Abr (Inforpress) – A proposta para elevação dos povoados de Ponta Verde (norte) e Patim (sul) à categoria de vila é discutida esta quarta-feira na sétima reunião ordinária da edilidade de São Filipe. Depois de uma missão técnica do Ministério do Ambiente, Habitação e Ordenamento do Território (MAHOT) ter efectuado, em Agosto de 2014, visitas aos dois povoados do município de São Filipe para recolha de informações e dados, a Câmara vai analisar a proposta para poder propor à tutela a sua elevação à vila, resolvendo assim o problema surgido com a elevação das antigas vilas à categoria de cidade. Ponta Verde, situado a pouco mais de 10 quilómetros a norte da cidade de São Filipe, dispõe de uma população superior a mil habitantes e de várias infra-estruturas, como posto sanitário, centro de extensão rural, polo do ensino básico integrado, o considerado “mais moderno” liceu de Cabo Verde, jardim-de-infância, centro de formação profissional, igrejas, célula de polícia nacional, de entre outras. Já a comunidade de Patim, que com a ideia de criação de uma nova freguesia passaria a sedear a mesma e está situado a menos de 10 quilómetros a sul da cidade de São Filipe, conta com mais de mil habitantes e dispõe de várias infra-estruturas religiosas (igrejas católica, nazarena, adventista), polo de ensino básico integrado, placa desportiva, campo de futebol e arruamentos. Além da proposta de elevação dos dois principais povoados à categoria de vila nesta reunião o executivo camarário vai ainda aprovar a conta de gerência relativa ao ano de 2014 para posterior encaminhamento à Assembleia Municipal para apreciação, assim como analisar a proposta para cedência de tolerância de ponto no dia 13 de Maio na freguesia de São Lourenço para a celebração da festa religiosa na localidade de Ponta Verde. JRInforpress/Fim
Leia ainda - Artigos mais recentes: